domingo, 30 de junho de 2013

INTERNACIONAL

Barack Obama vai à África do Sul, mas prefere não visitar Mandela

Ao lado de Obama, o presidente da África do Sul, Jacob Zuma, disse que Mandela, internado há três semanas com uma infecção pulmonar, permanece estável.


O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, visitou neste sábado (29) a África do Sul. O presidente americano teve um encontro fechado à imprensa com a família de Nelson Mandela. Mas Obama achou melhor não visitar o hospital onde o líder sul-africano está internado em uma UTI, em estado crítico.
Ao lado de Obama, o presidente da África do Sul, Jacob Zuma, disse que Mandela, internado há três semanas com uma infecção pulmonar, permanece estável.
Obama disse que os Estados Unidos não veem como uma ameaça a aproximação da África do Sul com o Brasil, a China, e outras potências emergentes e prometeu dar mais atenção ao continente africano.
Ele recebeu o título de Doutor Honoris Causa na universidade de Johanesburgo. Mas houve protesto de estudantes que o acusaram de violação dos direitos humanos, pela morte de civis em ataques com aviões não tripulados contra alvos terroristas.
No domingo, o presidente americano visita com a família a prisão onde Nelson Mandela esteve confinado durante o regime racista sul-africano. Depois vai à Tanzânia e retorna a Washington.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Utilize sua conta no Google (orkut, gmail) para postar comentários, ou a opção anônimo.